terça-feira, 22 de julho de 2014

Ford investe R$ 215 milhões na Troller

Rogelio Golfarb, vice-presidente da Ford (à esquerda), 
ao lado de Heloisa Menezes, do MDIC, e do governador 
do Ceará, Cid Gomes: incentivos e investimento 
na fábrica da Troller
PEDRO KUTNEY, AB | De Horizonte (CE)

Estratégia pode sustentar marca após fim dos incentivos fiscais

Ninguém entendeu muito bem quando a Ford, uma gigante do setor automotivo mundial, comprou a pequenina Troller, uma fábrica artesanal instalada em Horizonte, no Ceará, que produzia pouco mais de mil jipinhos por ano. A resposta está em uma gorda cesta de incentivos fiscais do antigo Regime Automotivo do Norte, Nordeste e Centro-Oeste, criado nos anos 1990. Na prática, quando adquiriu a Troller, logo nos primeiros dias de 2007, a Ford passou a gozar de isenção total de IPI de tudo que fosse produzido na região, inclusive em sua unidade de Camaçari (BA). Esses benefícios, se não forem prorrogados como já aconteceu em 2010, terminam no fim de 2015. Chegou a hora, portanto, de devolver uma pequena parte dos bilhões recebidos com isenções tributárias para que a Troller possa sobreviver após o fim dos benefícios.

Por isso a Ford remodelou completamente a fábrica de Horizonte e seu único produto, o fora-de-estrada T4, com investimento de R$ 215 milhões – algo como três meses de isenções de IPI nos produtos feitos em Camaçari. Os recursos vêm do mesmo pacote de R$ 2,8 bilhões que a Ford investiu em suas operações no Nordeste.

Fonte: Automotive Business

Starhunter nas redes sociais:    

 Curtir  Curtir  Curtir 

 Curtir   Curtir  Curtir 

World Time